Localizada no CTO (Centro de Tratamento Oncológico de Ribeirão Preto), a AOC é uma empresa formada por dentistas com formação em oncologia. O nosso objetivo é prevenir e tratar as complicações bucais que o tratamento oncológico pode causar.

 

POR QUE O PACIENTE COM CÂNCER PRECISA DO ACOMPANHAMENTO DE UM DENTISTA EXPERIENTE EM ONCOLOGIA?

Apesar dos pacientes com câncer de boca serem os maiores candidatos a sofrer efeitos colaterais do tratamento oncológico na cavidade oral, não são apenas estes pacientes que necessitam da atenção de um dentista.
Independentemente da localização do câncer, se o paciente inicia a quimioterapia com alguma infecção dentária (ex: cárie), frente à queda na imunidade há o risco de se desenvolver uma infecção generalizada a partir do foco dentário, o que pode levar à interrupção do tratamento oncológico, comprometendo sua eficácia.
A quimioterapia também pode causar alterações de paladar e secura na boca. A falta de saliva, por sua vez, predispõe ao desenvolvimento de candidíase oral. A própria queda na imunidade pode também favorecer o desenvolvimento de infecções oportunistas, como a herpes.
Além disso, muitos tratamentos quimioterápicos contra o câncer de estômago, intestino, entre outros, podem causar doloridas úlceras na boca, chamadas de mucosite oral, que podem dificultar a alimentação, causando perda de peso e até mesmo, em alguns casos, interrupção da quimioterapia até que as feridas sejam cicatrizadas.
Outro grande impacto do tratamento oncológico na cavidade oral é quanto aos medicamentos da classe dos bisfosfonatos, geralmente utilizados para controle de metástase óssea e mieloma múltiplo. Estes medicamentos fazem com que extrações dentárias, instalação de implantes e outras manipulações dos maxilares apresentem um alto risco de gerar infecção e consequente necrose óssea (Osteonecrose). Próteses mal adaptadas e doença periodontal também podem levar a este quadro.
Já no caso do câncer de boca, o cuidado odontológico deve ser ainda maior, principalmente se o tratamento envolver radioterapia. Um paciente que recebeu radiação em região de cabeça e pescoço corre o risco de osteorradionecrose (necrose dos ossos pela radiação), principalmente após extrações dentárias, instalação de implantes, entre outras manipulações ósseas. Outro efeito colateral é a cárie de radiação - cárie mais agressiva, que acomete vários dentes ao mesmo tempo e que tende a “mutilar” a coroa dos dentes envolvidos.
A boa notícia é que a maioria destas complicações pode ser prevenida ou tratada pelo cirurgião dentista. Para melhor controle das complicações, o ideal é que o dentista seja procurado antes do início do tratamento oncológico, seja ele quimioterápico (independente de onde for o tumor) ou radioterápico (em caso de tumor em região de cabeça e/ou pescoço). Quanto mais cedo for iniciado o acompanhamento odontológico, melhor será o controle dos efeitos indesejados e menor a necessidade de interrupções no tratamento oncológico, favorecendo suas chances de sucesso.

 

CORPO CLÍNICO

DRA. ANA RAPHAELA DEZAN CURVO

Cirurgiã Dentista - CRO/SP 115.335

  • Graduada em Odontologia pela Universidade Estadual Paulista, UNESP/Araçatuba. 

  • Residência Multiprofissional em Atenção ao Câncer pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto/USP.

  • Mestranda pelo Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirao Preto, HCFMRP-USP-OOCCP

Endereço para acessar o Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/9515791210344359

DRA. PAULA RAGUSA

Cirurgiã Dentista - CRO/SP 104.736

  • Graduação em Odontologia - Universidade Estadual de Maringá

  • Residência em Oncologia (Área de concentração em Estomatologia) - Hospital A. C. Camargo Cancer Center - São Paulo 

  • Mestre em Diagnóstico Bucal (Estomatologia) - Faculdade de Odontologia da USP - São Paulo 

  • Doutoranda em Diagnóstico e Cirurgia pela Faculdade de Odontologia de Araraquara (FOAR / UNESP)

  • Habilitação em Odontologia Hospitalar e em Laserterapia - Conselho Federal de Odontologia 

  • Membro da Sociedade Brasileira de Estomatologia e Patologia Oral


Endereço para acessar o Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8347270456302384

DR. RAFAEL DIAS

Cirurgião Dentista - CRO/SP 91.473

  • Graduação em Odontologia - Universidade de São Paulo (USP)

  • Residência em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial pela Universidade Estadual de Maringá (Especialista pelo Conselho Federal de Odontologia e Colégio Brasileiro de Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial)

  • Mestre em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial - Universidade de São Paulo (USP)

  • Doutor em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial - Universidade de São Paulo (USP)


Endereço para acessar o Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/9184070408920167

 

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Venha nos visitar

Seg - Sex: 8:00 às 12:00 e 14:00 às 18:00 

 

ENTRE EM CONTATO

 

16 39138181

Av. Bráz Olaia Acosta, 1905, Jd. California. Ribeirão Preto - SP.

©2018 by AOC -Atenção Odontológica ao Câncer. Proudly created with Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now